sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Deu Branco...


Branco é a cor do papel a espera do primeiro ponto

Branco são as nuvens do céu numa ensolarada manhã

Branco é o pensamento que deixa de fluir em desencanto

Branco é a mistura de todas as cores

Branco é o sorriso perfeito que se revela num encontro

Branco é o cabelo desnutrido de uma anciã

Branco deu em minha escrita desenfreada

Branco deu no meu céu nublado

Branco deu nas matizes da mente enfumaçada

Branco deu em lágrimas dissabores

Branco deu nos fragmentos espalhados por uma freada

Branco deu no poema não mais alado

Deu branco...


Quando a mente está em branco é possível até fazer poesia sobre ela. Por isso minha mente está sempre em constante movimento, para que nunca se perca num branco total. Por vezes ela demora a pegar no tranco, como dizem por aí, mas é só dar uma sacudidela que ela volta a funcionar.

Beijos brancos e doces a todos.

27 comentários:

Vieira Calado disse...

O poema está muito bem conseguido.

É bastante abrangente revelando uma cultura ecléctica.

Cumprimentos meus

Com ou Sem conclusões disse...

Branco... Tantas as coisas q podem selas.. Acjo ingraçado quando se misturam cores e sabores.. Beijos brancos e doces

Luciano Braz disse...

Acho que somos parecidos amigo!

Voltarei conhecer melhor seu espaço.

Abraço

Luciano Braz

b disse...

No branco as possibilidades...

Passo também prá indicar um espaço muito interessante de se ir olhando:
mary-assuntosdiversos.blogspot.com

Abração.

Daniel Aladiah disse...

Querida Cláudia
Se reflectirmos sobre a complexidade do branco que, na física, é a conjugação de todas as cores, então estamos num camin ho de luz...
Um beijo
Daniel

Luciano Braz disse...

Olá,
ME da um branco sempre que lembro das responsabilidades rsrs

Abraço, pasando para marcarpresença e reler- alguns textos

Luciano

Giselle Costa disse...

"Deu branco" é minha frase oficial, peço permissão de postar sua mensagem no meu blog, achei a minha cara rs

bjs

O Profeta disse...

...Às vezes uma intensa alucinação
Em que viajas pelo meu eu
Às vezes o mundo fica em espera
Da união do mar com o céu

Onde param os teus anseios
Onde encontras a sublime calma
Nestes dias de dura tormenta
Onde aqueces a tua alma?

Voa comigo...


Mágico beijo

lua prateada disse...

Hummm tens mais sorte que eu , pois a maior parte das vezes bem a abano e nada de nada mais abano e mais vazia fica.
Está bonto e conseguido
Bjinho prateado
SOL

mundo azul disse...

___________________________________

Seu poema, pede reflexão... O branco, por vezes, pode ser muito positivo!

Gostei demais...


Beijos de luz!


________________________________

claudete disse...

Criativo assim que venha o branco que permite o descanso para nova luz surgir. Abraços.

Lúcia Amorim: disse...

Boa noite,
Passeando encontrei seu blog,lindo ,nutrido de palavras.
carinho Lúcia Amorim

paçoca disse...

Que bom que este branco que deu na poeta seja bem produtivo. Parabéns! Bjs da Paçoca

Ju disse...

branco é tudo o que está para ser pintado...
beijos e felicidades!
: )

victoria disse...

Gracias por compartir este blog,con una paleta de colores y grandes sentimientos..Con cariño Victoria.España

Rodrigo disse...

OLa passando para uma visita ..

Aguardo a sua ,, um grande abraço
http://coisasetcetaldigo.blogspot.com/

Chris disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Chris disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Chris disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Chris disse...

Lindo seu blog, muito inspirador e cheio de emoção.

Um super beijo

Chris disse...

Tem um selo pra você em meu cantinho olhos esmeralda. Espero que goste.
Um abraço

Maria José disse...

Uau!!! Que lindo.
Passei aqui para me energizar com uma boa leitura e desejar-lhe um ótimo final de semana. Beijos.

GALLARDO disse...

Engraçado como o branco pode encher tanto. Tudo pode ser Branco, aliás pode ainda ser opaco ou transparente; Mas o branco é tudo e nada. Nada pode representar um género de vazio, e a vida pode ser um cheio de nada. A minha opinião é que realmente vivemos numa paleta de cor em que o branco é uma base... queiramos nós distinguir o que realmente existe.

excelente post!!!
cmpts
gallardo

www.3dthought.blogspot.com

Efigênia Coutinho disse...

CHELLOT, cheguei aqui, vi, li, e gostei, sendo o BRANCO a base de todas as cores da vida, em branco eu não ia passar aqui, meus cumprimentos coloridos, e bastante risonhos em sua estrada chamada Vida, com admiração, fica o convite para passar na minha casinha, pois já tem
NATAL
para todos os amigos,
Efigênia Coutinho

fabiano Silmes disse...

É no branco do pensamento em branco que surgem as maiores possibilidades...(E com certeza o seu texto não passa em branco diante de nossos olhos...rs)

Abraços,Evoé!!!!

MAY disse...

Delicadeza pura!

MAY disse...

Delicadeza pura!